Viagem ao Uruguai - BODEGA MARICHAL

Publicado por Blog Vinho SIM em 13.4.12 com Sem comentários
VISITA / DEGUSTAÇÃO – BODEGA MARICHAL
(http://www.marichalwines.com/)

Há algum tempo venho acompanhando o mercado de vinhos uruguaios e aumentando meu interesse em relação à uva Tannat, que produz alguns vinhos com muita cor e bastante intensos também, ótimos para acompanhar pratos com boa estrutura de molhos e principalmente carnes na brasa, especialidade uruguaia.

A Bodega Marichal fica localizada no distrito de Canelones, a aproximadamente 40 km de Montevidéu, mas o acesso é bem tranquilo. É possível tomar um ônibus desde Montevidéu até Canelones e de lá seguir de táxi até a vinícola ou ir direto de taxi desde Montevidéu, que foi nossa opção, gastando por volta de R$ 70,00.

Chegando à Bodega, fomos recebidos diretamente pela sommelière Lorena Curbelo, com quem eu tinha acertado tudo via e-mail a partir daqui do Brasil mesmo. Fizemos um breve passeio pela vinícola e fomos para a sala de degustação, onde um grupo de Jundiaí já nos esperava para também participar da degustação.

Começamos com os dois brancos da linha Premium, Sauvignon Blanc e Chardonnay. Vinhos agradáveis, corretos, bons aperitivos, mas que não chamaram à atenção.

Seguimos para a linha Reserve Collection, onde degustamos o Tannat, o Pinot Noir/Tannat e o sensacional Pinot Noir blanc de noir/Chardonnay, que agradaram bastante, com excepcional custo-benefício, algo em torno de R$ 55,00 no Brasil. Vinhos de extrema qualidade, principalmente o Pinot Noir/Chardonnay que, se o Uruguai não estivesse ainda na periferia do mundo vitivinícola, certamente seria aclamado como um best buy e um dos melhores “brancos” da América do Sul. É um vinho branco na concepção, mas sua cor salmão-clara é muito mais parecida à de um rosé. 


 Marichal Pinot Noir blanc de noir/Chardonnay 2010

Na sequência fomos convidados a experimentar o também fantástico Grand Reserve Tannat A 2007, um vinho de extrema personalidade. Muita cor e muito corpo como são esperados de um tannat, acompanhados de uma maciez indescritível, com taninos extremamente finos, um final longo e completo equilíbrio. Não é um vinho barato no Brasil mas vale o investimento de R$ 140,00. É uma excelente pedida para um momento especial, acompanhando uma suculenta carne uruguaia à moda uruguaia, na brasa, mal passada e com pouco sal!


Marichal Grand Reserve Tannat A 2007


Da esquerda para a direita Reserve Collection Tannat/Pinot Noir, Reserve Collection Tannat e Tannat A
Durante nossa degustação, muito bem dirigida pela Lorena Curbelo, recebemos a visita da abuela Teresita Marichal, a matriarca da família que ainda acompanha os negócios e participa das atividades da vinícola, acompanhada da filha, sra Lidia Marichal, ambas muito simpáticas.

Sala de degustações

Despedimo-nos com a compra de algumas garrafas do Reserve Collection Pinot Noir blanc de noir/Chardonnay e algumas do Grand Reserve Tannat A e com a certeza de ter feito uma ótima visita/degustação e excelentes compras. Esperamos poder voltar em breve!

A sommelière Lorena Curbelo

Reações: