Quinta do Crasto - Superior 2010

Publicado por Blog Vinho SIM em 17.9.12 com Sem comentários


Localizada na região demarcada do Douro, a Quinta do Crasto pertence à família Roquette há mais de um século e, tal como as grandes Quintas do Douro, sua origem remonta a tempos longínquos (o nome CRASTO, deriva do latim castrum, que significa Forte Romano).

Os importantes investimentos realizados nos últimos anos, permitiram modernizar as vinhas e instalações de vinificação, garantindo assim grande qualidade na produção de vinhos, mas apesar da utilização das mais avançadas tecnologias de vinificação, continua a ser utilizado o tradicional método de pisa em lagares.

O Crasto Superior 2010 é produzido a partir das castas Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Souzão e um percentual proveniente de uvas de vinhas velhas, todas provenientes da Quinta da Cabreira, localizada no Douro Superior e recentemente adquirida pela família para complementar a produção da Quinta do Crasto.

Vamos à prova.
Na taça mostrou vermelho-violáceo de boa intensidade e ótimos brilho e transparência. Os aromas florais e de frutas silvestres frescas se destacam imediatamente, aos poucos sendo complementados por toques de cacau e por algumas notas tostadas provenientes dos 12 meses de estágio em carvalho francês. No paladar, destaque para as frutas vermelhas com toques mentolados. Taninos bem arredondados. A ótima acidez traz um gostoso frescor ao vinho. Boa persistência. Ótimo equilíbrio.

R$ 98,00 (Qualimpor) | Álcool 14,2% | Acidez 5,1g/L |Acúcar 1,7g/L

Avaliação VINHO SIM: REFINADO / Relação QUALIDADE-PREÇO: ÓTIMA
Reações: