Direto de Mendoza: Bodega Bressia

Publicado por Blog Vinho SIM em 28.1.13 com 2 comentários


A Bodega Bressia foi fundada em 2003 pelo experiente enólogo Walter Bressia, com mais de 30 anos de trabalho na enologia, juntamente com sua esposa e filhos, buscando um conceito minimalista que denominam Vinhos de Família ou Vinhos de Autor, inspirado nos grandes ícones da história de Mendoza que há anos vêm surpreendendo o mundo com esse conceito e produzindo vinhos cheios de estilo e personalidade.

 

A Bodega busca somente a produção de vinhos de alta qualidade num ambiente pequeno e totalmente regido pela família.

Agendei minha visita diretamente daqui, por e-mail, e foi tudo tranquilo. Apesar de um imprevisto com a Marita Bressia, filha do sr. Walter Bressia que nos receberia, fomos prontamente recebidos pelo Walter Filho e assim pudemos conhecer a Bodega.


Passeamos um pouquinho pelas instalações e fomos para a degustação, onde provamos, da esquerda para a direita:



1) Sylvestra Sauvignon Blanc 2012: Recém lançado, deverá assumir o papel de “soldado de linha de frente” da Bodega. Um vinho jovem e fresco, cujo nome é uma alusão à intenção da vinícola de produzir um vinho com mínima interferência, deixando-o expressar as características da casta e do terroir.

2) Monteagrelo Cabernet Franc 2010: Bom exemplar desta casta que me trouxe boas surpresas em Mendoza. Um vinho com bom equilíbrio, fruta, acidez na medida certa, completadas por uma certa rusticidade que eu sempre espero de um Cabernet Franc.

3) Monteagrelo Malbec 2009: Típico Malbec mendocino. Frutado, com bom corpo e pouca acidez. Na boca é macio e tem final adocicado. É gostoso de beber, mas não é o tipo de vinho que me convida a continuar bebendo.

Há ainda diversas outras linhas de vinhos mas, infelizmente, não provei-os.

A Bodega recebe turistas sempre com agendamento feito através do telefone (54) 261 439 3860 ou através do e-mail info@bressiabodega.com.

Qualquer dúvida, sugestão, etc deixe seu comentário que será um prazer responder e ajudar na sua visita à capital do Sol e da Malbec.

Que Baco nos ilumine.
Reações: