Vinho do mês [MAIO/2013]: Urraca - Cabernet Sauvignon 2008

Publicado por Blog Vinho SIM em 3.6.13 com Sem comentários

No início dos anos 2000, aproveitando-se dos baixos preços das terras, muitos estrangeiros decidiram investir na Argentina e a região de Mendoza foi, provavelmente, a que mais se aproveitou desses recursos de fora que estavam sendo injetados na economia local.
No auge da crise no país, uma verdadeira revolução acontecia na vitivinicultura, transformando uma indústria com ótima matéria prima, mas com poucos recursos financeiros, numa verdadeira potência no mundo do vinho!

Dentre essas centenas de investidores, a família Langley, vinda da Califórnia, foi mais uma a se “aventurar” em terras mendocinas e encontrou em Agrelo - Luján de Cuyo (~ 950m de altitude) o lugar ideal para fundar a Urraca Wines, em 2005.

Seus vinhos são elaborados pelo renomado enólogo Walter Bressia, dono de uma carreira brilhante (Nota: Walter Bressia possui sua própria vinícola, chamada Bressia, que tive a oportunidade de conhecer. Veja relato da visita), com várias premiações na Argentina e no mundo, formando o par ideal para a produção de vinhos de qualidade: tecnologia + tradição local.

Vamos ao Urraca Cabernet Sauvignon 2008.

Como já escrevi em outras oportunidades, para mim os melhores vinhos de Mendoza são os produzidos com Cabernet Sauvignon, apesar de toda qualidade e todo o marketing feitos em cima dos Malbecs. Esse vinho é mais um exemplo disso.

De coloração vermelho rubi intenso, no nariz mostra muita fruta, com nuances frescas e maduras. Notas terrosas, de chocolate e algo mentolado também aparecem, além dos tostados provenientes do estágio de 12 meses em barricas de carvalho francês e americano novas, diga-se de passagem, muito bem integradas ao conjunto. Complexo. Na boca, ótima acidez com algum toque mineral e muita, mas muita fruta mesmo. Taninos redondos e final longo. Muito equilibrado.

R$ 60,00 | Álcool 14,8%

Avaliação VINHO SIM: REFINADO (17/20) / Relação QUALIDADE-PREÇO: ÓTIMA
Reações: