Cava Ave Maria Purisima [Bodega Alto Cedro] (Mendoza 2014)

Publicado por Blog Vinho SIM em 28.7.14 com Sem comentários

Localizada no departamento de Maipu - Mendoza a Cava Ave Maria Purisima é uma espécie de quartel general de Karim Mussi, enólogo e dono da Bodega Alto Cedro, além de consultor e parceiro em vários outros projetos do mundo do vinho mendocino.

A proposta da Cava é bastante interessante. Proporcionar visitas guiadas (exclusivamente com reservas) onde o turista escolhe um dos seis programas oferecidos (com preços entre US$ 19 e US$ 29) e assim pode conhecer não somente vinhos da Altocedro, mas também da Abras, Los Poetas, Alpasión, Alandres e Angulo Innocenti, bodegas de diversas regiões da Argentina.

A Cava ainda conta com Winebar onde se pode degustar das 14h às 16h30 (sem reserva) em taça ou garrafas quase todos os vinhos das vinícolas mencionadas acima.

Para visitas, basta entrar em contato com a simpática Dibe Montaña (informações abaixo) e agendar.



Para completar a vasta gama de opções, recentemente foi inaugurado numa linda casa antiga junto à Cava, o restaurante Casa Coupage, uma filial do restaurante de Buenos Aires, dos donos Inés Mendieta e Michele Aretini, que segue a mesma linha da matriz, um restaurante a portas fechadas, sem cartazes ou informações na porta que recebe os clientes somente com reserva prévia para uma experiência que está baseada essencialmente na harmonização entre comida e vinho. O cliente pode optar por um menu de 3, 5 ou 7 vinhos acompanhados por um prato principal ou um menu degustação ou ainda escolher um vinho numa carta com mais de 70 opções para acompanhar sua refeição. No inverno abre de segunda a sexta para almoço e sábados para o jantar. A partir da primavera a ideia é abrir todos os dias, mas não se esqueça, sempre com reserva prévia!

Embalados pela nossa visita à Cava, aproveitamos para conhecer o Casa Coupage e testar algumas harmonizações com os vinhos da Altocedro.


A Bodega Altocedro

A Altocedro nasceu com Mario Mussi, pai de Karim, que comprou uma vinícola centenária rodeada por cedros em La Consulta (Vale do Uco) há mais de 30 anos e investiu principalmente na exportação de mosto sulfitado.

A partir de 1999, Karim, recém formado em enologia assume os negócios da família para mudar de vez os rumos da produção que, partir daí, passa para os vinhos de alta qualidade.

Em 2001 a vinícola coloca no mercado sua primeira safra e em pouco tempo, Karim se torna um dos enólogos mais promissores da Argentina, fato comprovado pelas inúmeras premiações que seus vinhos recebem ano após ano.

Karim fez questão de receber pessoalmente o blog Vinho SIM para apresentar alguns rótulos da Altocedro, momento em que pudemos compreender um pouco da sua paixão pelos seus vinhos e, principalmente, pelo “seu” terroir em La Consulta, de onde vem suas uvas, tanto de um vinhedo próprio,como de uvas da melhor qualidade adquiridas de vinhedos com idade entre 15 e mais de 100 anos.

Vamos aos seus vinhos.


Altocedro Año Cero Tempranillo 2012

Año Cero é a linha de entrada da vinícola mas, diferentemente de muitas vinícolas que possuem uma linha de vinhos simples e puramente frutados, esta já é uma linha com produção diferenciada, com rendimento de 2kg de uvas por planta e passagem de 30% do vinho por 8 meses em barricas de carvalho francês.
Este tempranillo de micro região de El Cepillo (solo aluvional muito pouco pedregoso) foi uma das grandes surpresas desta nossa passagem por Mendoza (mais de 250 vinhos provados) mostrando, no nariz uma grande quantidade de frutas vermelhas maduras e compotadas e belas notas tostadas. Na boca tem entrada levemente adocicada, macia, passando por algo mineral, meio salgado, algo que lembra conservas de cogumelos champignon. Termina com boa acidez, dando uma sensação agridoce que o coloca como um belo exemplar no quesito “vontade de continuar bebendo”.

Nota VS: 16,5/20

Preço Argentina: AR$ 120 (TOP 10 Mendoza na relação qualidade-preço)
Preço Brasil: ~ R$ 75,00

Altocedro Año Cero Malbec 2012

No nariz apresenta-se floral com boa presença de frutas negras. Na boca tem bom equilíbrio com um final levemente adocicado, como é típico dos Malbecs mendocinos.

Nota VS: 15,5/20

Preço Argentina: AR$ 120,00
Preço Brasil: ~ R$ 75,00







Altocedro Año Cero CS 2012

Não é de hoje que bato na tecla que os melhores vinhos de Mendoza são os produzidos com Cabernet Sauvignon e os provados da região de La Consulta me parecem ainda mais distintos, com muita personalidade.
Este Año Cero 2012 é exatemente isso. Tem um conjunto pimentão verde-menta-groselha muito bem integrado com a madeira. Na boca tem ótima acidez, que equilibra a fruta, taninos maduros e um final médio-longo.

Nota VS: 16/20

Preço Argentina: AR$ 120,00 (TOP 10 Mendoza na relação qualidade-preço)
Preço Brasil: ~ R$ 75,00









Altocedro La Consulta Select 2012

Considerado um vinho de linha intermediária da vinícola (veja vídeo a seguir), este corte 42% Malbec, 27% Cabernet Sauvignon, 22% Tempranillo e 9% Syrah passou 12 meses por barricas de carvalho francês desde novas até 4º uso.
Nariz refinado, com muitas notas defumadas acompanhadas por frutas vermelhas e negras compotadas e certa complexidade. Na boca mostrou-se muito redondo e opulento, com ótima acidez, apesar de um final levemente adocicado. Final bem longo e gostoso, cheio de fruta, evoluído. Outro campeão no quesito vontade de continuar bebendo.

Nota VS: 17,5/20

Preço Argentina: AR$ 250,00
Preço Brasil: não disponível






Altocedro Reserva Malbec 2012

Blend de Malbec, com uvas das regiões de Altamira, Chacon e Cepillo de plantas cuja produção média é de 1,2kg. Passou 18 meses por barricas de carvalho francês que lhe aportaram muitas notas de chocolate e baunilha, além de um fundo frutado muito sedutor. Na boca, confirma o frutado com chocolate e não possui aquela entrada doce típica dos Malbecs de Mendoza, equilibrado por uma ótima acidez. Os taninos bem maduros e o final longo, completam o conjunto refinado do vinho.

Nota VS: 17/20

Preço Argentina: AR$ 350,00
Preço Brasil: não disponível

Convidei Karim para falar um pouco sobre sua linha de vinhos e principalmente sobre o La Consulta Select 2012, que foi o vinho que mais me chamou à atenção durante a degustação. Ele gentilmente atendeu à solicitação do Vinho SIM, que você pode ver no vídeo a seguir:


E foi assim.


Cava Ave Maria Purissima

Por que visitar?

- Diversos programas interessantes para turistas.
- Possibilidade de provar vinhos de diferentes terroirs e de projetos diferenciados.
- Comprar vinhos de excelente relação qualidade-preço.
- Almoçar no Casa Coupage.  

Avaliação VS

 Como avaliamos?

Que Baco nos ilumine!
Reações:
Categories: ,