I Desafio Brasil x Argentina de Espumantes do Blog Vinho SIM - Mendoza 2014 - Como foi?

Publicado por Blog Vinho SIM em 14.7.14 com Sem comentários


A tarde/noite da última segunda-feira, dia 07 de julho de 2014, dificilmente sairá da minha memória nos próximos diversos anos.

Satisfação, alegria, sucesso e gratidão são algumas das palavras para descrever o evento que promovi em parceria com a Bodega Otaviano, com organização da Três Marias Wine Tours em Mendoza. Uma degustação às cegas de alguns espumantes mendocinos, indicados por conhecedores da Terra do Sol, e alguns brasileiros, destaques da 2ª Edição do Ranking Vinho SIM es Espumantes Nacionais (leia matéria com os "vencedores")

Satisfação por contar com a presença de grandes avaliadores, que engrandeceram muito a prova, como os enólogos Lucas Amoretti (Trapiche), Nicolas Diaz (Chandon), Jorge Correa (Otaviano), Sebastian Yañez (Vistandes) e Laura Olguin (Dolium), o jornalista do Diario Uno de Mendoza, Gabriel Panela, os amigos Susana Moreiras (responsável pelo turismo/comunicação da Bodega Benegas Lynch), Renzo Monge (gerente da Bodega Escorihuela), e Ariel Sosa (remis e um dos maiores conhecedores do vinho mendocino), além de Maria Laura Ortiz, vice presidente da Associación Argentina de Sommeliers e da única representante do Brasil, minha parceira do Blog Vinho SIM, Talita Martinez.

Alegria por poder estar junto de pessoas tão especiais, que toparam dividir seus conhecimentos e experiência conosco, compartilhando ideias que nos trazem um aprendizado único e amizades que espero sejam muito duradouras.

Gratidão pela recepção da Bodega Otaviano e por toda ajuda das meninas Gabriela, Laura e Gisele da Três Marias Wine Tours, cuja participação foi fundamental para o ótimo andamento do evento. 

Assim sendo, qual deveria ser o resultado de satisfação + alegria + gratidão? Sucesso, é claro!




Foram degustadas às cegas um total de 9 amostras, sendo 5 delas do Brasil (Almaúnica Extra Brut, Aracuri Brut, Campos de Cima Brut, Bueno Cuvée Prestige e Don Abel Brut) e 4 da Argentina (Brut Xero, da Bodega Domaine St. Diego, Escorihuela Gascón Extra Brut, María Codorniu, da Bodega Septima e Ruca Malen Brut).

A ordem dos espumantes foi definida por sorteio pouco tempo antes da prova e, obviamente, só foi revelada aos avaliadores após a degustação.

A seguir, um pequeno vídeo gravado ao final da prova, onde se pode ver os degustadores já finalizando suas fichas e se preparando para a revelação dos espumantes, que causou bastante surpresa!

video

Deixo aqui meus agradecimentos a todos que contribuíram e participaram deste evento tão exitoso e prazeroso em terras mendocinas. Muito obrigado pelo grande apoio.

Nos próximos dias, o resultado final da prova, com as notas já tabuladas.


Que Baco nos ilumine!
Reações: